Orientações e dicas

06/01/2017

Como cuidar da saúde das veias

Como cuidar da saúde das veias

Um problema comum, principalmente entre as mulheres, é a má circulação do sangue nas pernas. É importante saber como cuidar da saúde das veias para evitar que o problema ocorra e se transforme em varizes ou algo um pouco mais difícil de resolver, como a trombose venosa.

Dicas de como cuidar da saúde das veias

Dois exercícios que colaboram para o bom funcionamento da circulação sanguínea são a natação e andar de bicicleta. Manter as pernas elevadas nos momentos de descanso também contribui para que o retorno venoso ocorra adequadamente.

Embora seja muito difícil de fazer isso nos dias de verão, é bom evitar expor as pernas a temperaturas muito altas. Assim, o recomendado é tomar sol nos horários mais seguros (antes das 10h e após as 16h). Em dias mais frios, muita gente eleva a temperatura do chuveiro para se aquecer na hora do banho. Isso também não faz bem para a saúde venosa. Banhos muito quentes, ainda mais os de imersão, prejudicam a circulação e, por isso, devem ser evitados.

Roupas justas também limitam a circulação. Sempre que for possível, deve-se dar preferência a roupas mais folgadas e cômodas.

Às mulheres que removem os pelos do corpo com cera quente, a orientação é escolher outro método de depilação, especialmente se já possuem varizes, para que os vasos não sejam afetados pelo calor.

Outra forma de ativar a circulação é massagear o corpo. Mas atenção! A massagem deve ser feita por um especialista e não deve ser brusca ou feita com muita pressão.

Entre as dicas de como cuidar da saúde das veias, não podem faltar os alimentos. Os que são ricos em vitamina E devem ser consumidos em maior quantidade por pessoas com problemas na circulação sanguínea. Outro nutriente benéfico para o sistema circulatório é a vitamina B3, pois relaxa os vasos sanguíneos. Alimentos capazes de diminuir ou controlar a pressão arterial também devem ser incluídos nas refeições diárias.

Poucas pessoas usam as meias de compressão de forma preventiva, mas utilizá-las é mais um recurso que auxilia no cuidado com a saúde venosa. O cirurgião vascular pode orientar sobre o jeito correto de usá-las e indicar qual tipo de meia é o mais adequado para evitar ou retardar problemas venosos.

Duas constantes recomendações, sempre válidas, são não permanecer longos períodos em pé ou sentado. Para que o sangue circule pelas veias e artérias como deve, é preciso movimentar o corpo.

Não há como contornar alguns fatores que influenciam na circulação, como a predisposição genética. Os demais são preveníveis. Então, agora que você já sabe como cuidar da saúde das veias, aproveite para manter-se saudável.

< Voltar

Você pode se interessar também por: