Orientações e dicas

Por: Publicado em 01/11/2018 - Atualizado 31/01/2019

Tratamento de Varizes

Tratamento de Varizes

As opções de tratamentos de varizes estão evoluindo cada vez mais para lidar com as veias varicosas. Com o avanço da medicina, os cuidados com as varizes estão despontando no mercado de diversas maneiras, em procedimentos simples, mas muito eficazes.

Os tratamentos são realizados de acordo com a necessidade e individualidade de cada um, o que torna imprescindível o contato entre médico e paciente para a definição do melhor procedimento.

Conheça as nossas opções de tratamentos para varizes.

Conheça os tratamentos para varizes disponíveis na Vascular Clínica

A Vascular Clínica dispõe dos procedimentos mais modernos disponíveis para as varizes. Felizmente, os tratamentos estão cada vez menos invasivos, proporcionando um maior bem estar para os pacientes.

A clínica trabalha com excelência focada na saúde vascular, dispondo de uma extensa unidade em Brasília (DF), que presta serviços de qualidade na área de Angiologia e Cirurgia Vascular, conciliando inovação e respeito no cuidado com o paciente.

A unidade da Vascular Clínica se localiza na Asa Sul da capital do Brasil, sendo possível agendar consultas, realizar exames específicos de ultrassonografia vascular, escleroterapias e cirurgias (procedimentos feitos em ambiente hospitalar). O atendimento é feito por uma equipe de médicos especialistas em cirurgia vascular que detém conhecimento técnico, ética e cordialidade para atender suas necessidades.

Os procedimentos realizados na clínica são a crioescleroterapia, escleroterapia com espuma densa, escleroterapia de telangiectasias, microcirurgia de varizes, laser transdérmico, cirurgia de varizes. Saiba mais sobre cada um deles.

Clacs

Um dos tratamentos mais eficazes e modernos hoje disponíveis na Vascular Clínica para diminuir as varizes combina três técnicas: laser, escleroterapia e o resfriamento da pele. É  indicado para as varizes e vasinhos das coxas, pernas e face.

Conhecido como Cryolaser e Cryo escleroterapia, esse tratamento consiste na aplicação do laser para “queimar” a veia em tratamento. Essa aplicação é combinada com jatos de ar gelado sob a pele, que ajudam a diminuir a dor e depois é seguido de injeções de glicose.

Esse é um procedimento bastante eficaz, que não exige muitas aplicações para eliminar o problema.  Além disso, favorece o baixo índice de manchas arroxeadas, que normalmente aparecem após o tratamento.

Após o tratamento, o paciente pode voltar à sua rotina normalmente, logo depois das aplicações. Caso as medidas para prevenir as varizes forem adotadas, os resultados poderão ser ainda mais satisfatórios.

Escleroterapia com espuma densa

A Escleroterapia de varizes com espuma densa, guiada por ultrassom é indicada para tratar veias de maior calibre, que antigamente, só poderiam ser tratadas com procedimento cirúrgico. A vantagem desse procedimento está na sua eficácia e praticidade em relação à cirurgia.

Esse tratamento é feito com o auxílio de uma seringa para a injeção e a agulha pequena, que é introduzida diretamente no vaso a ser tratado, juntamente com o medicamento específico que resulta em uma espuma. O método é realizado com a ajuda de um ultrassom para que seja localizado com precisão o vaso em que vai ser realizada a injeção.

A aplicação das injeções é realizada em algumas sessões, para evitar possíveis complicações e certificar-se de que o agente esclerosante das varizes não seja rejeitado pelo organismo. O cirurgião definirá a quantidade necessária de aplicações para cada caso.

Após o procedimento, o paciente poderá caminhar normalmente e voltar à sua rotina com moderação. O especialista recomendará o uso de meias elásticas durante 15 dias e uma maior atenção às reações da pele, já que é possível que surjam manchas. Entretanto, se isso ocorrer, elas podem sumir com o tempo ou serem clareadas com a ajuda de um dermatologista.

Escleroterapia de telangiectasias

Existe também a possibilidade de realizar a escleroterapia para tratar as telangiectasias, ou seja, os pequenos vasinhos. As orientações são as mesmas que a da escleroterapia com espuma densa.

Esse procedimento é feito em várias sessões e a necessidade será avaliada pelo cirurgião vascular, o único profissional indicado para injetar a substância esclerosante nos vasos.

Microcirurgia de varizes

A microcirurgia de varizes é indicada para as pequenas varizes, que chamamos de varizes reticulares.

O procedimento é realizado em aproximados 30 minutos e é realizado por meio de micro incisões para remover as veias danificadas. Felizmente, os cortes são mínimos e dispensam pontos, o que tende a deixar cicatrizes quase imperceptíveis, dependendo dos cuidados posteriores.

Após a microcirurgia de varizes, o paciente necessita permanecer 24 horas em repouso, mas pode voltar para a casa no mesmo dia. Pode voltar à sua rotina depois de dois dias e a prática de exercícios físicos podem acontecer após uma semana.

O cuidado com o sol é muito importante, sendo necessário aguardar entre 30 e 45 dias para expor a pele à incidência solar, caso contrário, existe o risco de ficar manchada.

Mas hoje este tipo de procedimento vem sendo substituido pelo Clacs na maioria das vezes, sem necessidade de cirurgia.

Laser transdérmico

O laser transdérmico é realizado por uma luz específica aplicada sobre a pele que acaba aquecendo o sangue e promovendo a contração da veia, ocluindo o vaso.

Esse procedimento pode ser combinado com o resfriamento da pele, para amenizar o incômodo que pode surgir durante a aplicação do laser. Também pode ser realizada juntamente com a escleroterapia, para potencializar os resultados.

É importante ter cuidado com o sol uma semana antes e uma semana depois à aplicação do laser. Outras medidas importantes serão recomendadas pelo cirurgião vascular para uma melhor recuperação do procedimento.

Cirurgia de varizes

Quando as varizes estão num estágio em que não é possível tratá-la com procedimentos minimamente invasivos, o cirurgião vascular irá recomendar o processo cirúrgico.

A cirurgia de varizes pode ser realizada de duas maneiras:

  • cirurgia de varizes convencional: indicada para a retirada de veias safenas que estão comprometidas, essa cirurgia é feita por duas incisões na pele para introduzir um fino cabo de aço a fim de realizar a ligadura e o corte da veia;
  • cirurgia de varizes por endolaser: indicada para tratar dilatações venosas, principalmente nas veias safenas e veias perfurantes. Essa cirurgia pode ser feita com sedação leve (caso o paciente queira) e anestesia local. O procedimento é feito por meio da energia do laser, que faz a oclusão total da veia.

Cuide da sua saúde vascular

Todos esses tratamentos para as varizes serão eficazes para tratar das veias varicosas, mas, como visto, atendendo a diferentes necessidades. As varizes podem ser consideradas um sinal de alerta para você visitar um angiologista e saber como está sua saúde vascular.

Você sabia que não tratar as varizes pode ser um agravante para um possível episódio de trombose venosa ou flebite?

Assim, corrigir as varizes não é uma questão estética, mas algo fundamental para cuidar da saúde venosa e evitar outros problemas associados ao sistema vascular. Além disso, é importante orientar que o tratamento específico das varizes depende da veia a ser tratada e de cada paciente avaliado individualmente.

Portanto, a orientação de um médico especialista em cirurgia vascular é indispensável nesse momento. Além de realizar o procedimento com eficácia, o cirurgião vascular poderá indicar muitos outros tratamentos que considerar mais eficientes, conforme o caso.

Quem tem varizes geralmente sente dor nas pernas, cansaço, sensação de peso nos membros inferiores e inchaço nas pernas, principalmente ao redor do tornozelo. Mas há casos em que as varizes podem não apresentar sintomas. Por isso, quando perceber uma mudança, o indicado é procurar tratamento o quanto antes, até como forma de prevenção.

Então, não perca tempo. Agende agora uma consulta e comprove os benefícios de ser atendido por uma clínica especializada: sua saúde vascular agradece.

< Voltar

Inscreva-se em nossa newsletter

Receba mais informações sobre cuidados para a saúde em seu e-mail.

 

Você pode se interessar também por: